Manuais de Apoio

Um verdadeiro apoio à utilização do EVTux, desde o download até à gravação, exploração em modo live, instalação e até algumas configurações é o Manual de exploração e instalação do EVTux que aqui publicamos.

A equipa do EVTux RECOMENDA VIVAMENTE todos os potenciais e futuros utilizadores do EVTux a, antes mesmo de fazer o download do mesmo, que façam uma leitura atenta e cuidada deste manual. São apenas 7 páginas em formato A3, que se lêem com extrema facilidade e SEGURAMENTE vai fazer-vos conhecer mais e melhor o EVTux e como o podem explorar. Além disso, ensinámos no manual a fazer todas as tarefas mais simples, desde o descarregar este sistema operativo, a gravá-lo num DVD ou Pen drive, a explorá-lo em modo live (sem instalar) ou a instalar formatando o computador ou em dual-boot (mantendo o sistema operativo que já possuam). Por tal motivo, qualquer processo mal realizado pode implicar uma má opção. Assim, por favor, LEIAM O MANUAL antes de qualquer outra tarefa. Vão depois reconhecer que foi o processo mais simples para se iniciarem nesta aventura do EVTux.

MANUAL DO EVTUX

O Manual de apresentação, exploração e instalação do EVTux está disponível em formato pdf (10 Mb) aqui no blogue. Para descarregarem para o vosso computador este manual, carreguem AQUI ou então na imagem abaixo (capa do manual).

Este manual encontra-se também disponível online para consulta e download nos serviços ISSUU e SCRIBD. Para acederem online a estes serviços, directamente ao manual do EVTux, basta carregarem nas imagens abaixo.

Não obstante todas estas opções de download e consulta do Manual de Apresentação e Exploração e Instalação do EVTux, mais abaixo, nesta página, encontram o conteúdo completo do manual.

Nunca se esqueçam: PRIMEIRO LER O MANUAL, DEPOIS EXPLORAR!

. . . . .

MANUAL DE EXPLORAÇÃO E INSTALAÇÃO DO EVTUX

Como descarregar e gravar o evtux numa Pen ou DVD?

Para fazerem o download (descarregar para o vosso computador) do EVTux devem à seguinte página da Internet: https://evtux.wordpress.com/download-do-evtux/

Nessa página encontram a lista de servidores de onde podem descarregar o EVTux para depois gravar num DVD ou Pen drive. O ficheiro a descarregar é um ficheiro de formato ISO. Isto quer dizer que é uma imagem de uma compilação a ser guardada posteriormente noutro dispositivo. Note-se: nunca em CD, terá que ser sempre DVD ou uma Pen drive com pelo menos 4 Gb.

Para descarregarem o EVTux abre-se uma janela no vosso computador a perguntar onde querem guardar o mesmo. Depois de escolherem essa opção, fazem guardar. Note-se que o ficheiro tem quase 2,2 Gb pelo que o tempo de espera até finalizar o download pode ser muito elevado, dependendo sempre da velocidade de ligação à Internet que tenham e do tráfego dos servidores. Aconselhamos que, se possível, deixem o computador ligado durante a noite a fazer o download.

Depois de descarregado o EVTux, num qualquer programa de gravação de DVD’s, devem selecionar a opção “Gravar imagem guardada no disco”. É-vos pedida a informação onde está esse ficheiro de imagem. Esse ficheiro é a ISO que descarregaram do EVTux. No final da gravação ficam com o DVD do EVTux montado no disco. No caso de quererem montar o EVTux numa pen, aí poderão utilizar um software muito simples chamado: UNetbootin. Este software é muito simples de utilizar. Primeiro descarregam e instalam este software a partir desta página http://unetbootin.sourceforge.net/ e nessa mesma página encontram um manual básico sobre como montar uma imagem numa Pen.

Nos próximos passos iremos explicar este processo.

Agradecemos à Universidade de Aveiro e à DGIDC – ERTE/PTE  toda a colaboração prestada, nomeadamente no alojamento do EVTux nos seus servidores.

Gravar o EVTux num DVD

Depois do download da ISO do EVTux, num programa de gravação de CD/DVD (utilizámos o exemplo do Nero – versão gratuita), abrimos esse programa.

Depois selecionamos a opção “Imagem, projeto, cópia” e de seguida “Imagem do disco ou projeto salvo”, abrindo-se uma nova janela para indicarmos o local onde se encontra a imagem do EVTux e fazemos abrir.

Finalmente, aparecerá o quadro seguinte bastando escolher a drive correspondente à unidade de CD/DVD (normalmente reconhece de imediato) e por fim fazemos “Gravar”. Concluída a gravação é-nos apresentada uma janela que avisa a conclusão da gravação e se a mesma foi efetuada com sucesso.

Gravar o EVTux numa Pen

Depois do download da ISO do EVTux, devemos fazer o download do software chamado UNetbootin. O mesmo pode ser descarregado deste site http://unetbootin.sourceforge.net/ e é compatível com sistemas operativos Linux, Windows e Mac. Aceda ao site e escolha o sistema operativo pretendido.

IMPORTANTE: não esquecer que devem utilizar sempre uma Pen com pelo menos 4 Gb.

Escolha guardar o ficheiro numa localização à sua escolha.

Depois do download do programa UNetbootin, aceda ao local onde o guardou (por exemplo Ambiente de Trabalho) e faça duplo clique para abrir o programa. Esta operação irá fazer abrir o programa.

Agora, marque a opção na parte inferior da janela que diz “Imagem de disco”. Esta operação vai permitir, posteriormente, carregar no botão ao lado identificado com 3 pontos ( … ). Abre-se então uma janela onde devemos procurar e selecionar o ficheiro ISO do EVTux. Após selecionado o ficheiro deve fazer “Abrir”.

Resta-nos depois escolher a opção do tipo de disco a utilizar – no caso, disco USB. Note-se que pode também ser criada outra opção como por exemplo um disco externo. Não esquecer de selecionar qual a drive D:\ F:\ G:\ ou outra que o seu computador identifique. Não se esqueça que o mais é confirmar, com toda a certeza, que a drive escolhida corresponde à Pen drive na qual pretende gravar o EVTux. No final, fazer OK.

Finalmente, inicia-se o processo de gravação do EVTux na Pen, dividido em 4 fases nas quais o utilizador nada precisa de fazer. É mostrada uma barra que vai indicando a percentagem de conclusão da gravação. No final da instalação aparece uma janela a indicar a conclusão da gravação e se pretendemos reiniciar o computador naquele momento. Podemos reiniciar ou fazer Sair para reiniciar noutra altura. Nesta altura, a sua Pen com o EVTux está pronta!

Live evtux? * 

Live evtux corresponde a viver o evtux, experimentando-o sem necessidade do instalar no computador. É a versão live.

Depois de concluído o processo de gravação do EVTux numa Pen ou DVD, há agora que experimentar este sistema operativo, dedicado aos professores de EVT em particular mas também a todos quantos queiram explorar. A melhor forma de o fazer é correr este sistema operativo sem ter que o instalar. Tal como é normal dizer-se, é o modo live do EVTux.

Para isso, com o vosso computador ligado insiram o DVD na drive específica ou a Pen na porta USB e encerrem o computador. De seguida, liguem o computador e, de imediato, carreguem na tecla F2 (ou outra). NOTA IMPORTANTE: no arranque, os computadores costumam apresentar uma tela que diz em que tecla carregar para ir ao Setup. Pode ser F2 mas outra como por exemplo, ESC, F8, F10, F12, depende do computador.

Porquê este processo? Para acedermos àquilo que chamamos BIOS e fazer o computador iniciar primeiro através da Pen ou do DVD. Quando acedemos à BIOS é apresentado um quadro negro ou azul.

Neste exemplo apresentado (ou noutro semelhante) devemos sempre utilizar as teclas do cursor no teclado. Devemos ir ao Menu que diz “Boot”, “Boot Settings” ou mesmo “System Configuration”.

Nesse separador devemos fazer a escolha das “Boot Settings” e/ou “Boot Device Priority”. Devemos então escolher para primeiro lugar a drive de CD/DVD se temos o EVTux num DVD ou Removable Device se estivermos com o EVTux numa Pen. Na imagem abaixo, por exemplo, está o CD-ROM em primeiro lugar, depois o disco do computador e em terceiro qualquer pen ou dispositivo USB ligado (pode ser um disco externo). O que deve fazer é na primeira prioridade carregar em Enter e depois, no menu que aparecer, escolher o que pretende que inicie primeiro.

Feita a escolha, em maior parte dos computadores basta fazer F10 para gravar as alterações e encerrar a BIOS. Quando isso acontece, o computador reinicia. Agora sim, o computador vai reiniciar através da Pen ou DVD com o EVTux. NOTA IMPORTANTE: quando não tiver uma pen ou o DVD no computador, ele voltará a iniciar normalmente.

No arranque aparece um quadro negro e depois a tela de escolha para arranque do EVTux. Por defeito está sempre definida a primeira opção que é “live – Iniciar o EVTux em live”, há uma contagem decrescente que pode ser interrompida e acelerado o processo carregando em ENTER.

Inicia-se então o EVTux com a seguinte tela.

Depois de concluído o arranque, entramos então no ambiente de trabalho do EVTux e podemos começar a trabalhar.

NOTA: Como o arranque é feito a partir de um dispositivo externo (Pen ou DVD) pode demorar um pouco a arrancar e o trabalho pode ser mais demorado MAS, note-se que nos testes realizados o desempenho do EVTux, mesmo em modo live, é muito bom.

Para encerrar, basta no canto superior direito carregar no botão mais à direita e fazer Encerrar. Aparecerá depois um quadro como o da imagem seguinte alertando para remover o DVD ou a Pen do computador e, de seguida, carregar em ENTER.

Terminámos aqui a apresentação do tutorial sobre como usar o EVTux correndo o sistema operativo em modo live, sem necessidade de quaisquer instalações. Muito útil para explorar e, no caso de trabalharmos a partir de uma pen, excelente para usar nas escolas, sem necessidade de instalar e com possibilidade de ir guardando na Pen os trabalhos realizados por nós ou pelos nossos alunos.

Mas se gostaram mesmo do EVTux e quiserem instalar no vosso computador, na página seguinte podem ver o tutorial a explicar como é que isso se faz.

Não nos devemos esquecer de referir que:

  1. Existe uma pasta no Ambiente de Trabalho do EVTux que depois de descompactada tem mais de 300 manuais para trabalhar com as ferramentas digitais listadas e catalogadas a partir do trabalho do EVTdigital;
  2. No menu Aplicações encontram já instaladas muitos softwares livres escolhidos para o trabalho na disciplina de EVT;
  3. No browser da Internet, o Firefox, encontram no menu Marcadores uma pasta com o nome DVTdigital. Dentro da mesma há 35 categorias de ferramentas tal como as que se encontram no EVTdigital e que dão acesso às ferramentas digitais para EVT, muitas delas correndo diretamente a partir da Internet e sem necessidade de instalação.

boot no evtux?*

boot no evtux lê-se (”bute” no evtux) e é, nada mais nada menos que a instalação do evtux em dual-boot depois de se ter experimentado e gostado da versão live.

Depois de terem experimentado o EVTux, podem tomar uma decisão. Têm liberdade total para continuar a explorar o EVTux em modo live ou, para simplificar, se quiserem, instalar. Para instalar o EVTux no vosso computador (em sistemas operativos Windows), devem notar que a instalação da qual apresentamos aqui o tutorial é: ou formatando o computador e instalar apenas e só o EVTux (perdendo o que lá têm) ou, numa outra opção, fazer o DUAL-BOOT que é nem mais nem menos que instalar lado a lado o EVTux com o Windows e, sempre que iniciam o computador, é-vos pedido para escolher se querem entrar em Windows ou no EVTux (Ubuntu).

Para este processo, façam correr o EVTux em modo live, tal como apresentado na página anterior do tutorial live EVTux.

Quando estão no Ambiente de Trabalho do EVTux, existe no lado esquerdo do ecrã um ícone que diz “Instalar EVTux i386”. Esta é a versão 32 bits do EVTux (para a maioria dos computadores).

Façam duplo clique para iniciar a instalação.

Se aparecer uma janela que “Suporte de Língua Incompleto”, devem ignorar a mensagem e carregar no botão “Fechar”.

Aparece de seguida o primeiro de sete passos para a instalação do EVTux. Refere-se ao suporta da língua. Devem escolher no menu Português e de seguida carregam em “Avançar”.

No passo 2 devem definir a localização. Por defeito ele indica o fuso horário da vossa localização – Portugal (Lisboa). Se assim for, devem carregar em “Avançar”.

Posteriormente, no passo 3, devem escolher a disposição do teclado. Se selecionaram Portugal, por defeito é-vos apresentada uma opção sugerida, também Portugal. Se assim for, carregam em “Avançar”.

MUITO IMPORTANTE!

Chegamos agora ao passo 4.

Se vos aparecer na janela deste passo APENAS E SÓ A OPÇÃO “Apagar e utilizar o disco inteiro” é porque o vosso disco já tem pelo menos um particionamento pelo que NÃO ACONSELHAMOS A INSTALAR O EVTux (ver imagem). Neste caso, apenas utilizadores avançados e com bastantes conhecimentos de informática o devem fazer pois as partições novas têm que ser feitas manualmente, o que é complexo. Estamos a tratar de uma nova versão do EVTux que é igual à presente mas que neste aspeto vai simplificar o processo de instalação – no caso será a partir do Windows.

MAS, no caso de terem um computador antigo e que nem utilizem e que não se importem de o formatar, se escolher esta opção, devem ver os passos seguintes. NOTA – Esta opção apaga todo o disco do computador e instala o EVTux ficando apenas o EVTux nessa máquina.

INSTALAR EM DUAL-BOOT (a partir do passo 4)

Se na janela do passo 4 vos aparecer, para além da opção “Apagar e utilizar o disco inteiro” a opção “Instale-os lado a lado, escolhendo um a cada arranque”, PARABÉNS! Vamos então instalar o EVTux no computador mantendo o seu atual sistema operativo Windows. Quer isto dizer que depois de instalado, quando iniciar o computador ser-lhe-á perguntado qual o sistema operativo que pretende correr: o Windows ou o EVTux (Ubuntu).

Então, na janela 4, selecione a opção “Instale-os lado a lado, escolhendo um a cada arranque”. ATENÇÃO: Na parte inferior da janela aparece uma barra de cor que pode ser movimentada. Movimente-a para definir qual o espaço em disco destinado ao EVTux. Seria importante não definir menos de 10 a 12 Gb para o EVTux, podendo assim guardar uma quantidade significativa de trabalhos em disco. A opção será sempre sua quanto ao tamanho a definir. Concluído o processo devem carregar em “Avançar”.

 

Ao fazer “Avançar” vai aparecer-lhe uma janela para confirmar as opções que tomou. Se tem a certeza, carregue em “Continuar” e vai então iniciar-se o processo de instalação.

 

Terminado este primeiro processo, vai aparecer o passo 5. Na janela apresentada, Deve preencher os campos que são solicitados: o seu nome, o nome de início de sessão, uma senha (password de segurança para desbloqueio do computador e instalação de programas) e qual o nome do computador. É também pedido me identifique a forma de iniciar a sessão. Depois de tudo preenchido, faça “Avançar”.

 

No passo 6 é-lhe apresentado um quadro para que, caso queira, possa migrar do Windows certos documentos e definições (como por exemplo os marcadores do browser). Se quiser migrar alguns, basta marcar/selecionar com um visto o que pretende migrar para o EVTux. No final, devem fazer “Avançar”.

 

Finalmente, o sétimo e último passo leva-nos à instalação. É apresentado um resumo das opções/definições que selecionámos. Podemos então fazer “INSTALAR”.

 

Inicia-se assim o processo de instalação que podemos ir acompanhando. No final da instalação aparece uma nova janela de “Instalação Concluída”. É vivamente recomendado que faça “Reiniciar Agora”.

 

O seu computador vai então reiniciar e desta vez de forma diferente do que acontecia até então. Como se pode ver nas imagens, é perguntado se quer entrar em EVTux (ou Ubuntu, pois é idêntico) ou Windows. O painel que aparece poderá variar mas é facilmente percetível.

 

É iniciado o processo de arranque idêntico ao modo live e, neste caso, aparecerá o quadro seguinte se tivermos optado por iniciar a sessão com nome de utilizador. Se assim foi, colocamos a password para o nome de utilizador e carregamos em ENTER.

 

Concluído este processo, estamos então no Ambiente de trabalho do EVTux e que já apresentámos anteriormente.

PARABÉNS! Tem o seu EVTux instalado e a funcionar MAS… há que tratar de algumas configurações, principalmente as da Internet (redes sem fios no caso de portáteis) e de alguns drivers. Vejamos no tutorial seguinte quais são.

 

 

Algumas configurações do evtux

Depois de instalar o evtux é necessário realizar algumas configurações. Aprenda como as fazer de forma simples.

 

Após ter instalado o EVTux no seu computador, é necessário realizar algumas configurações básicas. NOTE: se instalou o EVTux num computador desktop (de secretária), deve ligar o mesmo à Internet através do cabo de rede. Caso o tenha instalado num computador portátil, deve ligar o portátil a uma rede com fios (por ligação por cabo à porta correspondente) para poder atualizar o software relativo à placa de rede sem fios (wireless). Este tutorial ajuda-o a fazer isso.

Em primeiro lugar, ligue o cabo da Internet ao seu computador.

 

Depois de ligado o cabo, aceda ao menu “Sistema” e dentro deste a “Administração” e finalmente “Controladores de Hardware”.

 

Ao carregar em “Controladores de Hardware”, abre-se uma nova janela onde automaticamente o sistema localiza os componentes do seu hardware e o que eventualmente possa estar em falta (o mais natural é estar sempre em falta o controlador de wireless no caso dos portáteis).

 

Concluída a pesquisa, é apresentada uma lista de controladores em falta.

 

Para cada um dos que estiver em falta (só pode fazer um de cada vez) deve selecionar e carregar em “Activar”. É possível que seja apresentada uma janela de segurança (ver imagem) onde deve inserir a password (senha de segurança) que definiu quando instalou o EVTux.

 

Inicia-se então o processo de ativação e instalação do controlador.

 

Repita o processo para todos os componentes listados.

 

Depois de terminado o processo de ativação e instalação dos componentes, faça “Fechar”. Aparece-lhe então uma janela a perguntar se deseja reiniciar o computador. Escolha a opção “Reiniciar”.

 

Depois de reiniciar o computador já sem o cabo de Internet ligado – no caso de ser portátil com acesso wireless, no menu superior, já lhe vai aparecer o sinal de rede sem fios. Se carregar lá pode verificar que já lhe aparecem as ligações wireless disponíveis.

 

Selecionada a rede pretendida, e se a mesma for uma rede protegida, deve-lhe aparecer uma nova janela pedindo a chave de rede ou as credenciais de acesso se for uma rede empresarial. Basta inserir os dados de acesso e a ligação é efetuado aparecendo no ambiente de trabalho a indicação dessa ligação efetuada com sucesso.

 

Está assim terminado este tutorial. A questão dos controladores da rede sem fios é o mais importante para configurar. Quanto aos outros, não é necessária qualquer intervenção depois de instalados. No caso de posteriormente ligarmos impressoras ou outros periféricos ao computador, é provável que seja necessário repetir este processo como aqui descrito neste tutorial.

Resta desejar-vos boas explorações no EVTux!

 


2 responses to “Manuais de Apoio

  • Nuno Pereira

    Olá. Obrigado pelo vosso trabalho. Durante a configuração da rede sem fios, quando ele vai gravar a password de acesso à Wireless é-me pedido a password do chaveiro (para que não se tenha sempre de introduzir a password da rede). Sabem-me dizer qual é? Obrigado

    • jarodrigues

      Viva Nuno,
      Provavelmente utiliza o EVTux em modo live (sem instalar). Isso não é problema. Quando lhe pedir a palavra-chave deve escrever: evtux
      Assim resolverá o problema. No entanto, na wireless, é possível que com frequência a rede lhe peça sempre acesso de autenticação. Mas a passaword do chaveiro é sempre evtux.
      Bom trabalho e obrigado por usar o EVTux.

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 57 outros seguidores

%d bloggers like this: